Bem vindo ao site Porto Notícias, Segunda-Feira, 26 de Junho de 2017
Notícias
Porto dos Gaúchos
Juara
Tabaporã
Novo Horizonte
Regionais
Estaduais
Brasil
Mundo
Política
Executivo
Legislativo


Se você já precisou da Polícia Militar de Porto dos Gaúchos, como você avalia o atendimento que teve?
Bom
Ruim
Ótimo
Péssimo

 Estaduais
     
5 de Junho, 2017 - 21:22
Projeto garante mais transparência na arrecadação de recursos do Fethab

A Associação Mato-grossense dos Municípios – AMM avaliou de forma muito positiva a derrubada do veto à emenda que propõe a divulgação mensal do valor total arrecadado com o Fethab Óleo Diesel. A emenda, de autoria do deputado José Domingos Fraga Filho, prevê que a arrecadação do Fethab óleo diesel seja mensalmente disponibilizada à AMM e publicada no Diário Oficial do Estado (DOE/MT), bem como, entregue quadrimestralmente à Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária da Assembleia Legislativa, na forma de relatório detalhado. A derrubada do veto pela Assembleia Legislativa ocorreu na sessão do dia 31 de maio, por 13 votos a 3.


O presidente da AMM, Neurilan Fraga, disse que se trata de uma importante vitória para os municípios, que poderão ter acesso mensal aos dados, importantes para subsidiar o planejamento dos investimentos das prefeituras. “A derrubada do veto garantiu mais transparência na arrecadação dos recursos do Fethab. A AMM, como entidade representativa dos municípios, comemora mais esse avanço e agradece os deputados pelo apoio na defesa dos municípios mato-grossenses”, assinalou.


O deputado José Domingos disse que a emenda visa a atender ao princípio da publicidade e garantir mais transparência à arrecadação do Fundo.  “A partir da promulgação e posterior publicação da norma, o Poder Executivo deverá, mensalmente, informar a AMM o montante arrecadado, disponibilizando no Diário Oficial e, ainda, encaminhar, a cada quatro meses, relatório detalhado à Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária da Assembleia Legislativa”, frisou.


A estimativa do governo do estado é que ao todo, o óleo diesel deve resultar em cerca de R$ 500 milhões em investimentos, sendo que 50% deste total será destinado ao Governo de Mato Grosso (habitação e pagamento de despesas obrigatórias) e outros 50% (Fethab rural) para os municípios (35% para obras em rodovias estaduais não pavimentadas e 15% para habitação, saneamento, projetos e mobilidade urbana). Além disso, é do Fethab Óleo Diesel que serão deduzidos os repasses constitucionais e obrigatórios de 17,5% para os Poderes Judiciário e Legislativo, além da Procuradoria de Justiça e Tribunal de Contas do Estado (TCE).


A partilha dos recursos do Fethab com os municípios foi conquistada em 2015, por meio de uma decisão do Supremo Tribunal Federal, que atendeu ao pleito da AMM, que acionou o STF para garantir o benefício para os municípios. Desde então, as prefeituras estão investindo os recursos na recuperação de estradas e pontes, melhorando a infraestrutura regional e contribuindo para o desenvolvimento sócio-econômico dos municípios e do estado. 

Fonte: Agência de Notícias da AMM
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
 Mais Estaduais
26/06/2017
25/06/2017
22/06/2017
21/06/2017
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
Opiniões
Porto dos Gaúchos
Juara
Tabaporâ
Novo Horizonte
Regionais
Estaduais
Brasil
Mundo
Política
Executivo
Legislativo
Copyright © 2017 - Porto Notícias