Bem vindo ao site Porto Notícias, Sexta-Feira, 18 de Agosto de 2017
Notícias
Porto dos Gaúchos
Juara
Tabaporã
Novo Horizonte
Regionais
Estaduais
Brasil
Mundo
Política
Executivo
Legislativo


Se você já precisou da Polícia Militar de Porto dos Gaúchos, como você avalia o atendimento que teve?
Bom
Ruim
Ótimo
Péssimo

 Juara
     
14 de Junho, 2017 - 09:46
Diferente de outros gestores do estado, Luciane anuncia pacote de contenção de gastos e corta próprio salário em Juara

  Luciane Bezerra/Reprodução

A prefeita de Juara (47-km de Porto  dos Gaúchos) Luciane Bezerra (PSB), anunciou na manhã de terça-feira dia 13 em entrevista coletiva a imprensa, medidas que serão adotadas pelo seu governo visando o corte de gastos, onde o seu próprio salário, do vice-prefeito e secretários serão cortados em 50% e 20% respectivamente. Já os servidores públicos não terão cortes nos salários, porem a prefeitura não pagará mais gratificações e horas extras, pelo menos pelos próximos 03 meses.


A prefeita que definiu as medidas como “duras, mas necessárias”, justificou que é preciso equilibrar as contas públicas, e que a população precisa saber que a prefeitura não fabrica dinheiro.


Luciane explicou que as receitas vêm caindo ano a ano, e os gastos fixos (por exemplo com folha, saúde e educação) vem aumentando cada vez mais. “Diante dessa situação, temos de fazer algum tipo de economia e fazer sobrar para fazer algum tipo de investimento para toda a população usufruir recursos próprios da prefeitura, e por isso precisamos cortar na carne”, disse.


O orçamento atual da Prefeitura de Juara está em torno de R$ 5 milhões e meio até R$ 6 milhões ao mês, e os gastos somente com folha de pagamento está na ordem de R$ 4 milhões e 100 mil reais, incluindo pagamento de impostos referentes a folha de pagamento e previdência, ou seja, é o custo bruto e fixo com o funcionalismo público de Juara.


Com as medidas, Luciane Bezerra espera economizar mais de R$ 250 mil por mês. A princípio o pacote de medidas terá durabilidade de 03 meses podendo ser prorrogado por mais 03 meses se necessário.


Na contramão


Em Porto dos Gaúchos, município vizinho de Juara, a história é diferente. As arrecadações do município aumentam, e até “sobra recurso em caixa”. Com isso o prefeito Baxinho Piovesan (PMDB) tentou emplacar recentemente a criação de uma verba indenizatória de R$ 6 mil mensais sem necessidade de prestação de contas para ele, e de R$ 3 mil para o vice-prefeito e para o assessor jurídico.


Em um ano, além do salário mensal de R$ 15.500,00 que totaliza R$ 186 mil ao ano, o prefeito receberia então mais R$ 72 mil em verba indenizatória, totalizando um ganho de R$ 258 mil por ano. 


Esse valor seria quase metade do gasto mensal com a folha de pagamento dos servidores concursados da prefeitura do município, cujo total é de R$ 544 mil.


Depois de pressão popular, o prefeito desistiu da ideia e retirou o projeto da câmara de vereadores, pelo menos por enquanto.


Veja Relacionadas: Prefeito de Porto dos Gaúchos manda pra câmara projeto que cria verba indenizatória de R$ 6 mil para viagens


Prefeito de Porto dos Gaúchos desiste da criação de verba indenizatória de R$ 6 mil por mês e retira projeto da câmara


Audiência pública demonstra que prefeitura de Porto dos Gaúchos vai bem financeiramente e tem sobra de recursos em caixa


 

Fonte: Porto Noticias
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
 Mais Juara
18/08/2017
16/08/2017
15/08/2017
14/08/2017
11/08/2017
10/08/2017
09/08/2017
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
Opiniões
Porto dos Gaúchos
Juara
Tabaporâ
Novo Horizonte
Regionais
Estaduais
Brasil
Mundo
Política
Executivo
Legislativo
Copyright © 2017 - Porto Notícias