Só no MT…Ou melhor, atualmente é no Brasil todo. Deputado deixou cadeia sem ter alvará judicial

A liberdade do deputado estadual Gilmar Fabris (PSD) depois de 40 dias de prisão dominou as rodas de conversas entre políticos, advogados e jornalistas na quinta-feira.

De maneira surpreendente, ele saiu do Centro de Custódia da Capital sem ter um alvará de soltura expedido por membro do judiciário seja juiz, desembargador ou ministro.

Pela 1ª vez em Mato Grosso, um preso foi colocado em liberdade por força de um “alvará” expedido pela Assembleia Legislativa.

As bolsas de apostas, pelo menos por parte de vários advogados e até jornalistas que acompanham o caso, indicam que não será surpresa alguma se nos próximos dias uma nova ordem de prisão contra Fabris aportar de em Cuiabá, vinda de algum gabinete do Supremo.

Os deputados ultrapassaram todo os limites constitucionais e usurparam a competência jurisdicional ao emitir alvará de soltura ao nobre deputado.

 

RB com GD

Fonte :

GD

Deixe seu comentário: