Home Brasil Bolsonaro diz durante live que haverá novo aumento de combustíveis

Bolsonaro diz durante live que haverá novo aumento de combustíveis

5 min ler
0

Em sua live semanal desta quinta-feira (21), o presidente Jair Bolsonaro admitiu que haverá novos aumentos nos preços dos combustíveis. “Vão ter novos reajustes nos combustíveis? Deve ter aumento dos combustíveis! Não precisa ser mágico para descobrir isso. É só ver o preço do petróleo lá fora e quanto está o dólar aqui dentro,” justificou. De acordo com Bolsoanaro o país ainda depende de importação de diesel e parte da gasolina. “Então se não reajustar, falta! Inflação é horrível? é péssimo! Mas pior é o desabastecimento”, disse o presidente da República.

Bolsonaro afirmou que pretende dar um auxílio aos caminhoneiros. “O que nós buscamos fazer, acertados com a equipe econômica? Alguns não querem. Outros acharam que era possível. Dar um reajuste para os caminhoneiros em havendo um novo reajuste. Está decidido até o momento dar R$ 400 para 750 mil caminhoneiros autônomos”, afirmou. Segundo o presidente serão gastos cerca de R$ 3 bilhões ao ano, dentro do orçamento.

Greve iminente

O comentário de Bolsonaro veio depois que a Frente Parlamentar Mista dos Caminhoneiros Autônomos e Celetistas notificou ao governo federal e as autoridades parlamentares de uma paralisação dos caminhoneiros, prevista para 1º de novembro, e o estado de greve da categoria, adotado desde o último sábado (16). A paralização é motivada pelos sucessivos aumentos no preço dos combustíveis entre outras pautas.

No documento enviado a autoridades do Executivo e Legislativo e assinado pelo presidente da bancada, deputado federal Nereu Crispim (PSL-RS), a frente diz que está disposta a “auxiliar nos diálogos e propostas de solução com representantes dos caminhoneiros”.

Os ofícios, enviados na terça-feira (19), foram endereçados ao presidente Jair Bolsonaro, ao ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira Filho, ao ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, ao ministro da Economia, Paulo Guedes, ao ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, ao presidente do Senado, senador Rodrigo Pacheco, ao presidente da Câmara dos Deputados, deputado Arthur Lira, e ao presidente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna.

Último reajuste

A Petrobras anunciou no último dia 8 um reajuste no preço da gasolina e do GLP (gás liquefeito de petróleo), popularmente conhecido como gás de cozinha, em suas refinarias. O preço médio de venda da gasolina subiu 7,19%, de R$ 2,78 para R$ 2,98 por litro, o que representou uma alta de R$ 0,20 por litro nos postos.

Considerando a mistura obrigatória de 27% de etanol anidro e 73% de gasolina A para a composição da gasolina comercializada nos postos, a parcela da Petrobras no preço da gasolina na bomba passou a ser de R$ 2,18 por litro, em média. Uma variação de R$ 0,15 por litro.

 

R7

Carregue mais postagens relacionados
Carregue mais por Porto Notícias
Carregue mais em Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito + catorze =

Verifique também

Prefeitura de Porto dos Gaúchos vai implantar programa Porteira Adentro que visa beneficiar pequenos produtores

Pensando no pequeno produtor rural, que muitas vezes não tem condições de arcar com a manu…