Secretaria orienta municípios de MT para cumprir rigorosamente protocolos devido baixo estoque soro antiofídico

A secretaria estadual de Saúde esclareceu que, desde 2014, o Ministério da Saúde tem enviado quantidade reduzida de soro antiofídico para Mato Grosso, motivo que gerou a falta do medicamento em alguns municípios e que o Estado ainda dispõe dos soros antiescorpiônico e antiaracnídico – ainda que em estoque reduzido.

Para evitar o total desabastecimento, a secretaria recomenda aos municípios o cumprimento rigoroso dos protocolos de prescrição, a ampla divulgação do uso racional dos soros, o rigoroso monitoramento dos estoques nos níveis regional e municipal, assim como a alocação dos soros de forma estratégica em áreas com mais risco de acidentes e óbitos.

A secretaria informa que já notificou o Ministério da Saúde quanto à atual situação – comum à expressiva maioria dos estados federativos – e enfatiza que ações educativas em relação ao risco de acidentes, primeiros socorros e medidas de controle individual e ambiental devem ser intensificadas pelos municípios.

.

Fonte :

Só Noticias

Deixe seu comentário: