Home Legislativo Vereadores se reúnem com representantes da Porto Ambiental para discutir questões relacionadas a água no município

Vereadores se reúnem com representantes da Porto Ambiental para discutir questões relacionadas a água no município

8 min ler
0

Uma reunião agendada pela presidência da câmara de vereadores de Porto dos Gaúchos nesta quarta-feira (22), com representantes da concessionaria de água do município, serviu para esclarecer duvidas e apresentar demandas oriundas da população.

Os vereadores Tampinha, Claudiomar Braun, Eder Boldrin, Tenente Donizete, Ivo Castro, Leandro Budke, Professor Enos e Luciane Bündchen participaram da reunião. A vereadora presidente Ângela Piovesan está em viagem e não esteve presente.

A principal reivindicação levada aos representantes da concessionaria pelos vereadores, foi o valor da tarifa cobrada atualmente dos consumidores, assunto que foi levantando em tribuna na ultima sessão na camada pelo vereador Leandro Budke.

“Levantei isso por que chegou bastante reclamação de forma geral pra gente, e como é uma concessão privada a água, não cabe a nós vereadores resolver, mas organizamos a reunião e ouvimos as partes, apresentando os problemas relatados, desde valor de tarifa, falta de pressão na água ou muita pressão em outros pontos. Os representantes da empresa ouviram as demandas e cada situação será avaliada individualmente”, destacou o vereador Leandro Budke.

Um assunto bastante comentado nas redes sociais, e que causou mobilização por parte dos vereadores foi a cobrança dos moradores da comunidade de novo Paraná com relação a constante falta de água na localidade.

“Várias pessoas reclamaram dos serviços, e valores, e nos levamos até eles a situação. Eles apresentaram dados de esforços que vem fazendo pra solucionar os problemas e ficou acertado que em breve terá uma reunião em Novo Paraná para conversar com a população e tentar esclarecer as demandas” destacou o Professor Enos que endossou a questão relacionada a água em tribuna na última sessão na câmara e também participou da reunião com os representantes da concessionária.

Explicando em relação a reclamação sobre as tarifas, Valdemir Tavares da Porto Ambiental disse que nos últimos dois meses houve um consumo muito grande água na cidade, como jamais registrado, e consequentemente as contas também subiram.

“Os vereadores trouxeram as demandas e discutimos. Nos viemos investindo muito forte no município, monitoramos todos os pontos e não tivemos locais da cidade com falta de água e já passamos a pior fase da seca sem nenhum problema de falta de água. Nos distritos de São João e Novo Paraná também investimos. No entanto todo sistema pode dar problema uma hora ou outra, e que pode deixar alguns minutos ou horas sem fornecimento de água, e aí quem não tem caixa de água vai sentir. A maioria ou cem por cento das reclamações de falta de água em Novo Paraná por exemplo, é por falta de caixa de água. Se você tiver uma caixa, vai aguentar até 24h sem fornecimento de água da rua, e nunca aconteceu de ficar todo esse tempo sem envio de água”, explicou Valdemir.

O representante da Porto Ambiental ainda pediu que as pessoas que tiverem problemas, e reclamações, que façam diretamente a concessionaria, para que imediatamente busquem resolver. “Em grupos de WhatsApp dá muito barulho, mas não chegando à empresa não tem como resolver, por isso pedimos as pessoas que ao surgir qualquer problema, entrem em contato em nossos telefones de plantão”, concluiu.

O prefeito Vanderlei de Abreu também participou da reunião, e disse que é salutar ouvir os dois lados – empresa e população-, para que se possa chegar a um denominador.

“Nesta quarta-feira por exemplo houve reclamação de falta de água em Novo Paraná, e segundo a empresa houve queda de energia na madrugada, e quando o funcionário da empresa na comunidade acordou de manhã constatou o problema, e quem não tem reservatório ficou sem água por algumas horas. A gente cobra a empresa, mas também o cidadão tem que fazer parte dele, a lei fala que você tem que ter uma reserva para 18h ou 24h, e se todos tiverem dificilmente vai ficar sem água. Por exemplo quando estão fazendo melhorias, tem que desligar e aí vai faltar pra quem não tem caixa. Mas fomos eleitos pelo povo, estamos aí pra trabalhar pelo povo e por isso estamos cobrando a concessionaria sobre esses problemas, mas queremos que os moradores também entendam e façam sua parte. Vamos marcar em breve uma reunião mais ampla no distrito de Novo Paraná com o pessoal da Porto Ambiental para discutir o problema com a população”, informou o prefeito.

Fonte: Porto Noticias

PARTICIPE DO GRUPO DO PORTO NOTICIAS NO WHATSAPP

Carregue mais postagens relacionados
Carregue mais por Porto Notícias
Carregue mais em Legislativo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 + 14 =

Verifique também

Porto dos Gaúchos é contemplado em dois projetos pela SECEL-MT, e vai realizar decoração de Natal e Jornada Cultural

O município de Porto dos Gaúchos foi contemplado em dois projetos no Edital MT AFLUENTES d…