Home Brasil Anderson Leonardo, vocalista do Molejo, morre aos 51 anos

Anderson Leonardo, vocalista do Molejo, morre aos 51 anos

4 min ler
0

Faleceu nesta sexta-feira, 26, o cantor Anderson Leonardo, vocalista do grupo Molejo. Nascido em 18 de agosto de 1972, ele tinha 51 anos e lutava contra um câncer desde 2022.

A morte foi confirma pelo Molejo nas redes sociais. “Nosso guerreiro Anderson Leonardo lutou bravamente, mas infelizmente foi vencido pelo câncer, mas será sempre lembrado por toda família, amigos e sua imensa legião de fãs, por sua genialidade, força e pelo amor aos palcos e ao Molejo”, diz a nota do grupo.

“Sua presença e alegria era uma luz que iluminava a vida de todos ao seu redor, e sua falta será profundamente sentida e jamais esquecida, nós te amamos”, conclui o post.

A doença que acometia Anderson era um câncer inguinal, na região da virilha, que atingia o pênis e o ânus. Ele já havia sido hospitalizado diversas vezes, foi diagnosticado com embolia pulmonar e passou por imunoterapia.

Casado com Paula Cardoso, Anderson também deixou quatro filhos: Leozinho Bradock, Alissa, Rafael Phelipe e Alice.

Carreira

Natural do Rio de Janeiro, Anderson começou sua carreira na música na década de 1980. Conhecido como “Anderson Molejo”, o músico fez sucesso com o grupo de mesmo nome a partir de 1994.

Com sucessos como “Caçamba”, “Brincadeira de Criança”, “Dança da Vassoura” e “Cilada”, Anderson se consagrou como um dos maiores cantores de pagode do país.

Controvérsias

Em 2021, Anderson foi acusado de estuprar o cantor e dançarino MC Maylon, então com 21 anos. Segundo o artista, o crime teria acontecido em 2020 em um hotel na zona oeste do Rio de Janeiro.

Em nota à imprensa, a assessoria de Anderson negou a acusação e informou que ele não foi intimado a prestar informações em delegacia. “Em mais de 30 anos de vida pública, jamais tivera seu nome ligado a qualquer ato criminoso ou que viesse a desabonar ou macular a sua imagem e carreira, seja de sua vida profissional ou pessoal […] Os fatos publicados não são verdadeiros”, declarou a equipe.

Além disso, ele foi acusado de importunação sexual por Solange Gomes. A ex-“Banheira do Gugu” revelou que o fato ocorreu na década de 1990.

“Antigamente as coisas aconteciam e a gente não tinha muita noção. Lembro na ‘Banheira’ que o Anderson, do Molejo, colocou a mão dentro do meu biquíni. Ele fez um exame ginecológico”, disse ela, em entrevista ao podcast “Papagaio Falante”. A acusação também foi negada pela equipe do cantor.

Istoé Gente

Carregue mais postagens relacionados
Carregue mais por Porto Notícias
Carregue mais em Brasil
Comentários estão fechados.

Verifique também

Porto dos Gaúchos divulga potencialidades turísticas, agrícolas e artesanal na FIT Pantanal 2024

A secretaria de Turismo de Porto dos Gaúchos, está presente na FIT PANTANAL 2024 que acont…