Cadeia pública de Porto dos Gaúchos despeja dejetos a céu aberto. De quem é a responsabilidade?

Não é de hoje que a fossa séptica da cadeia pública de Porto dos Gaúchos vem vazando dejetos, que são despejados sem nenhuma preocupação na rua que passa na frente da Aspepo.

O caso já foi inclusive levado a público pelo vereador Nolar Soares, que cobrou providencias e apresentou fotos durante uma sessão na câmara de vereadores no ano passado, porem até agora nenhum órgão competente tomou providências.

Em tempos que se fala em multar quintais sujos, não deixar agua acumulada, o mau exemplo está na cara e nada é feito.

A fossa da cadeia pública é antiga, e está totalmente cheia. Com isso, foi feito uma infiltração, construindo um rego por debaixo da tampa da fossa, para que o excesso de esgoto escorra para a rua próxima, onde fica acumulado conforme as fotos.

O cheiro próximo é insuportável, e o local além de servir de criadouro de pernilongos e outros insetos, pode servir também para proliferação de outras doenças …Mas a quem cabe as providências?? A direção da cadeia que não aciona o estado para resolver, o estado que não disponibiliza recursos, ou a vigilância sanitária municipal que não notifica para que resolvam?

Com a resposta a quem seja de direito.

Fonte:

Porto Noticias

Comentários

comentários