Homem acusado de estupro tem partes intimas cortadas em Itanhangá

Na manhã de domingo 23/06, a Polícia Militar foi acionada pelo CIS, aqui de Itanhangá, relatando que chegou aquela unidade de saúde, um homem que supostamente teria sido “castrado”.

A polícia levantou as informações e descobriu que Antevir Chaves, conhecido como barba, mora em um sítio próximo a Simione. Segundo informações, dois homens chegaram ao sítio ontem à noite por volta das 18 horas, pegaram ele, amarraram e com um canivete, começaram a cortar suas partes íntimas.

Estes indivíduos diziam para esposa que era para ela ficar na dela, que assunto não seria com ela, também perguntaram: porque ela estava com ele e se ela sabia o que ele tinha feito. Na saída eles levaram o celular da esposa e uma espingarda.

Ele relutou em procurar ajuda no posto de saúde, mas o proprietário do sítio, trouxe ele hoje pela manha ao CIS. Segundo sua esposa ele disse que estava com medo de ser preso.

Ele foi levado ao Hospital Regional De Sorriso. Não foi informado o estado seu estado de saúde.

Em 2016 ele foi acusado de estuprar suas netas de 5 e 6 anos, em um assentamento em Nova Maringá.

 

 

Fonte:
ITA Notícias

Comentários

comentários

WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para lhe atender
👋 Olá, como posso ajudar?