Home Agronegócio Sindporto e Aprosoja agradecem vereadores de Porto dos Gaúchos por cobrar governo de Mato Grosso sobre Moratória da Soja

Sindporto e Aprosoja agradecem vereadores de Porto dos Gaúchos por cobrar governo de Mato Grosso sobre Moratória da Soja

2 min ler
0

Na sessão de segunda-feira, 1º de abril, a Câmara de Vereadores de Porto dos Gaúchos aprovou um requerimento direcionado ao governador do estado, cobrando a execução das medidas divulgadas na imprensa mato-grossense relativas à moratória da soja em áreas convertidas legalmente em Mato Grosso.

A iniciativa dos parlamentares foi amplamente reconhecida pelo Sindicato Rural de Porto dos Gaúchos e pelo Núcleo Regional da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja).

Diante da importância dessa pauta para o setor agropecuário, o Sindicato Rural de Porto dos Gaúchos, representado pelo presidente Marcelo Fontanelle, e o delegado coordenador do núcleo da Aprosoja na região, Volmir Schefller, expressaram profundo agradecimento aos vereadores pelo requerimento aprovado.

A Moratória é um acordo criado em 2006, que tem impedido que propriedades vendam soja produzida em áreas do bioma Amazônia que tenham sido desmatadas após julho de 2008. A medida foi criada pela Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) e Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec).

A medida vem sendo criticada nos últimos anos pelo setor produtivo e o seu fim vem sendo solicitado, inclusive, por lideranças políticas do estado.

O assunto foi pauta de uma audiência pública realizada na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) em novembro do ano passado, quando deputados estaduais, prefeitos, produtores rurais e representantes do setor produtivo se juntaram para pedir o fim da moratória da soja.

Fonte: Porto Noticias

Carregue mais postagens relacionados
Carregue mais por Porto Notícias
Carregue mais em Agronegócio
Comentários estão fechados.

Verifique também

Prefeito de Porto dos Gaúchos é condenado em mais um processo, por autorizar emissão de notas fiscais falsas para pagamentos indevidos

O prefeito de Porto dos Gaúchos, Vanderlei Antônio de Abreu (MDB), foi condenado em mais u…