Home Novo Horizonte do Norte Vigilância Ambiental de Novo Horizonte do Norte emite nota no combate à dengue

Vigilância Ambiental de Novo Horizonte do Norte emite nota no combate à dengue

6 min ler
0

Com o objetivo de orientar a população, para evitar a proliferação do mosquito ‘Aedes Aegypti’, a Vigilância Ambiental da Secretaria Municipal de Saúde de Novo Horizonte do Norte, vem intensificando os trabalhos de orientação e fiscalização, principalmente neste período do ano de frequentes pancadas de chuva, tendo em vista que, neste período, faz com que a velocidade de reprodução do mosquito transmissor da Dengue, Zica e Chikungunya, seja ampliada durante o verão.

Conforme estudo realizado, o tratamento de aspersão aeroespacial de inseticidas é feito com equipamento portátil (pulverizador) ou acoplado a veículos e, tem como função específica, eliminar as formas adultas de ‘Aedes Aegypti’, não afetando os ovos, devendo ser utilizado somente para bloqueio de transmissão e para controle de surtos ou epidemias. Essa nebulização não é seletiva, e seu uso indiscriminado para combate de outros insetos não é recomendado. Por conta do uso indiscriminado de inseticidas em pulverização, outras espécies de insetos, como abelhas, podem acabar tendo a sua biologia e evolução alterada, afetando o ecossistema.

“Dessa forma, cidadão, a melhor maneira para prevenção à Dengue, pode ser feita com práticas simples que evitam a reprodução do mosquito transmissor, através da eliminação de objetos que acumulem água parada, como pneus, garrafas, plantas e também o uso de inseticidas aerossóis e repelentes’, diz trecho da nota da Vigilância Ambiental.

Os números de focos de mosquito na cidade, alertam sobre a necessidade da prevenção para evitar o crescimento da reprodução do vetor.

Principais métodos de prevenção:

– Evitar usar pratos nos vasos de plantas. Se usá-los, coloque até a borda;

– Mantenha lixeiras tampadas;

– Deixe os depósitos d’água sempre vedados, sem qualquer abertura, principalmente as caixas d’água;

– Plantas como bromélias, devem ser evitadas, pois acumulam água;

– Trate a água da piscina com cloro e limpe-a uma vez por semana. Dê preferência, em deixar a piscina fechada em dias que não estiver usando;

– Mantenha ralos tampados e desentupidos, inclusive nos quintais;

– Lave com escovas os potes de comida e de água dos animais no mínimo duas vezes por semana; – Retire a água acumulada em lajes, calhas e outros locais que possam acumular água em casa;

– Mantenha fechada a tampa do vaso sanitário;

– Evite acumular entulho, pois ele pode se tornar local do foco do mosquito da Dengue; – Denuncie a existência de possíveis focos de ‘Aedes Aegypti’, para a Secretaria Municipal de Saúde;

– Caso apresente sintomas de Dengue, Chikungunya ou vírus da Zica, procure uma unidade de saúde para atendimento;

– Evite deslocamentos e atividades não necessárias durante o amanhecer e o crepúsculo, período de maior atividade do vetor, preferindo o período noturno para atividade de lazer.

Abaixo, os principais sintomas da Dengue e ao percebê-los, o paciente deve procurar o serviço de saúde imediatamente:

– Febre alta, de início abrupto;

– Dor de cabeça; – Fraqueza;

– Dores no corpo;

– Dores nas articulações;

– Dor retrobulbar (no fundo dos olhos).

A Nota foi assinada pelo Secretário Municipal de Saúde, Waldecir de Sá, Assessora Adjunta de Saúde, Maria Alves dos Santos e Médico Veterinário, João Nelson dos Santos Morais Neto.

Carregue mais postagens relacionados
Carregue mais por Porto Notícias
Carregue mais em Novo Horizonte do Norte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove − 18 =

Verifique também

Mulher morre ao levar choque de celular que estava carregando em MT

Dalvirene Ribeiro da Silva, 38 anos, morreu após levar um choque elétrico de celular que e…