Veja indicações aprovadas durante sessão realizada na quinta-feira (02 de julho) pelos vereadores de Porto dos Gaúchos

03-07-2020: Nolar Soares indicou ao poder executivo municipal a realização do projeto que busque em parceria com o governo do estado a pavimentação dos 12-km de estrada entre a MT-220 e a gleba São João.

Professor Feijão indicou que o prefeito emita decreto municipal em consonância com a portaria nº 063, de 23.4.2020 TCE-MT, autorizando a suspensão das cobranças de empréstimos consignados contraídos por servidores públicos municipais por até 90 dias.

A justificativa da indicação assinada também por Paulo Badalo, é que diante da pandemia do coronavirus, e em razão da crise atual, mesmo com o salário em dia do servidor público, muitas famílias tiveram sua renda afetada sendo que alguns membros da família dependiam de outras rendas e foram prejudicados diante a pandemia.

Outra indicação de Feijão foi para construção de redutores de velocidade na rua Rio de Janeiro nos cruzamentos com a avenida Santo Ângelo, passo fundo e rua boa esperança, essa travessia liga o bairro Beira Rio ao Bairro da Creche. “é uma rua que existem um grande número de crianças que transitam nas proximidades dos bairros supracitados”, justificou na indicação assinada também pelos vereadores Paulo Badalo, Professor Enos e Kelly Duarte.

Marisane Waldow indicou que seja colocada placas indicando a presença de quebra-molas em frente ao Posto de combustível da comunidade de Novo Paraná e que seja colocada cascalho em buracos existentes em frente a rodoviária e posto de saúde da mesma comunidade.

Paulo Badalo indicou em parceria com Kelly Duarte o cascalhamento e patrolamento em estradas vicinais que circundam Novo Paraná e São João. “Estamos no período de estiagem, e as referidas estradas se encontram em estado degradante, prejudicando o tráfego de veículos”, disse.

Badalo cobrou verbalmente também limpeza do trevo de acesso a Novo Paraná pelas MTs-220 e 338.

Paulo Celso indiciou que seja criado um protocolo a nível municipal para distribuição de medicamentos para prevenção do covid-19 para pacientes que manifestarem interesse em fazer uso.

Fonte:
Porto Noticias

Comentários

comentários