Policia Civil de Porto dos Gaúchos flagra desmatamento ilegal em fazenda onde homem foi morto e esquartejado

Em operação que visava capturar um envolvido no crime de morte e esquartejamento ocorrido no último dia 20 de maio/2019, na fazenda Abacaxi nas proximidades da MT-338, “Estrada da Baiana” em Porto dos Gaúchos, a Policia Civil de Porto dos Gaúchos acabou flagrando uma retirada ilegal de madeira e prendeu 03 suspeitos.

A operação buscava prender um homem identificado como Ilson Rosa de Oliveira, o “Neguinho”, comparsa de Ronaldo da Luz Felix, vulgo “Parazinho” de 40 anos que está preso. Eles são acusados de ter matado e esquartejado a vítima identificada apenas pelo apelido de “Gordinho”. Os restos mortais ainda aguardam identificação no IML.

Na terça-feira, 06 de agosto, Policiais de Porto dos Gaúchos flagraram na fazenda crime ambiental e levaram detidas 03 pessoas, além de arma de fogo, motosserras e material de uso pessoal. No local estava ocorrendo corte de pé de pequi e várias arvores estavam sendo derrubadas para fazer lasca de cerca.

“A polícia civil está atuando de forma a reprimir os crimes ambientais em nossa região, e se os donos da fazenda sabiam ou eram cúmplices, também vão responder pelo crime, cujas penas podem chegar a 06 anos de detenção”, disse o delegado Albertino Felix de Brito Junior.

Polícia procura Ilson Rosa de Oliveira, vulgo “neguinho” acusado de ser cumplice de esquartejamento em fazenda em Porto dos Gaúchos

Polícia prende suspeito de ter matado e esquartejado homem em fazenda em Porto dos Gaúchos

Crime de esquartejamento ocorrido em Fazenda foi o mais bárbaro registrado nos últimos tempos em Porto dos Gaúchos

Fonte :

Porto Noticias

Deixe seu comentário: